PESQUISA ONLINE DO SAEMAC MOSTRA QUE 70% DOS TRABALHADORES DA SANEPAR INFECTADOS POR COVID SÃO DE ÁREAS OPERACIONAIS

Continue nos ajudando com a pesquisa. Se você, trabalhador da Sanepar ou da Paranaguá Saneamento foi infectado, preencha a pesquisa para que possamos lutar por mais prevenção


O resultado preliminar da  pesquisa online do SAEMAC sobre os trabalhadores infectados com covid-19 mostra, até agora, que 70% dos trabalhadores da Sanepar que tiveram a doença são da área operacional. Os 30% restantes são do setor administrativo. O dado revela uma tendência já indicada em estudos de que trabalhadores de áreas operacionais tem mais risco de contrair o vírus, assim como trabalhadores de áreas essenciais. É por  esses números que o SAEMAC tem cobrado que os saneparianos  devam ter prioridade também no processo de vacinação. 

“Até agora nossa pesquisa online com trabalhadores que foram infectados mostra que o trabalhador do saneamento,  em especial o das áreas operacionais,  também deve ter prioridade na vacinação. Não estamos pedindo nenhum privilégio, mas é fato que o saneamento junto com o tratamento e distribuição de água são extremamente necessários no combate à pandemia e quem garante o sistema funcionando são os trabalhadores do saneamento. Então, eles devem ser imunizados o quanto antes para poderem continuar  garantindo o sistema funcionando sem riscos de contrair a doença”, diz o presidente do SAEMAC, Rodrigo Picinin.

PESQUISA REVELA SITUAÇÃO DOS TRABALHADORES
O SAEMAC lançou a pesquisa online  no último sábado, dia 27, com o intuito de traçar um panorama sobre o Covid-19 em sua base de trabalhadores. POR ISSO, ESTÁ SOLICITANDO QUE TODOS OS TRABALHADORES DA SANEPAR OU DA PARANAGUÁ SANEAMENTO QUE CONTRAÍRAM O VÍRUS QUE PREENCHAM A PESQUISA COMO UMA FORMA DE, COM OS DADOS EM MÃOS, TER UM QUADRO GERAL DE INFORMAÇÃO PARA PODER TRAÇAR ESTRATÉGIAS VISANDO BUSCAR MAIS MELHORIAS E PREVENÇÃO PARA OS TRABALHADORES. PARA PREENCHER A PESQUISA BASTA CLICAR AQUI. Todas as informações particulares serão mantidas em sigilo, só sendo divulgados informações  gerais.

Além de mostrar que 70% dos trabalhadores da Sanepar que contraíram a doença são de áreas operacionais, a pesquisa já mostrou até agora que 80% dos trabalhadores  se curaram e que, deste, 48% ficou com alguma sequela como dificuldade de respiração, cansaço excessivo, perda de olfato, paladar entre outros. 

Nos ajude preenchendo a pesquisa. As informações prestadas são de extrema importância para que possamos lutar pelo bem de todos. CLIQUE AQUI PARA PREENCHER A PESQUISA


0 comentários:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.