DIRETORIA DA SANEPAR É O CAOS: ATIRA PRIMEIRO, PERGUNTA DEPOIS

Em email enviando aos trabalhadores, a Sanepar só confirmou o que temos denunciado ultimamente: que a diretoria da empresa age na base da intransigência e autoritarismo. No email enviado, a empresa diz que o corte que promoveu nas ajudas de custo foi na verdade um “ajuste” depois de um estudo realizado pela GGPS.  Disse ainda que os trabalhadores que tiveram seus benefícios cortados (essa é a palavra, pois foi o que aconteceu) devem atualizar suas informações para voltarem a receber e que até o final do ano vai disponibilizar um sistema para que a atualização de informações seja agilizada.

Ora, como dissemos acima, esse email, escrito pela própria Sanepar , revela toda a desorganização em que a empresa se encontra e como ela não respeita seus trabalhadores.  Primeiro, falemos em bom português: o  “ajuste” que a empresa falou significa “corte”, não sejamos inocentes, pois foi o que aconteceu.  Segundo, porque a  empresa não usou de transparência e, antes de cortar, repentinamente, a ajuda de custo, a Sanepar não procurou informar a todos que estava realizando esse estudo e pedia a todos que  atualizassem suas informações, evitando assim, transtornos aos trabalhadores? Não seria muito mais produtivo e respeitoso do que simplesmente cortar e depois pedir que todos atualizassem  as informações para reaver o benefício?? 

A empresa mesmo confessa no email que ainda está desenvolvendo um sistema para agilizar as informações, ou seja, nem ele mesma está preparada nem disponibilizou um sistema decente para que o trabalhador possa atualizar suas informações, e  mesmo assim preferiu cortar logo de cara para depois fazer o trabalhador correr atrás do prejuízo. Vergonhoso. Imagine, que são esses caras que querem ter acesso às informações dos trabalhadores na Receita Federal  e diz que vão garantir o  sigilo. Aliás, a falta de um sistema de segurança que garanta esse sigilo foi um dos argumentos do SAEMAC na ação judicial que impetrou para impedir a coação da empresa em obter essas informações privadas do trabalhador.  Como a Sanepar quer acessar essas informações sem ter um sistema de segurança que vá realmente garantir esse sigilo?

A atitude da empresa de agir primeiro para perguntar depois é lamentável. Infelizmente, esse tem sido o comportamento da diretoria ultimamente. Foi assim com a insalubridade, com a implantação da escala 4x2, com o rompimento das mediações do Ministério Público e do diálogo com o Sindicato.  É como temos falado: a atual diretoria caminha forte para ser a pior de todos os tempos da Sanepar na questão de respeito aos trabalhadores.  

O SAEMAC continua alerta para denunciar e impedir a empresa de continuar com esses desmandos. Se a empresa, prefere a ignorância ao diálogo e bom senso, ela que sabe. De nossa parte, não vamos aceitar nenhuma falta de respeito com os trabalhadores. Temos dito.

Confira abaixo o email enviado pela Sanepar onde a empresa comprova sua total desorganização e intransigência contra os trabalhadores: 






0 comentários:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.