ACT 2019/2020: Proposta da empresa é apresentada com corte do abono indenizatório


Nesta quarta-feira, dia 05 de junho, em reunião realizada em Curitiba entre as Entidades Sindicais Majoritárias (SAEMAC, SINDAEL, SINDAEN e STAEMCP) e a diretoria da empresa, tivemos retorno quanto à proposta de apreciação aprovada pela CCEE (Conselho de Controle das Empresas Estaduais). 

Como não bastasse todos os ataques aos direitos trabalhistas que o trabalhador vem sofrendo nos últimos meses, os quais ocorrem simultaneamente aos ataques às Entidades Sindicais, hoje sentimos na pele esse descaso com a classe trabalhadora por parte do Governo do Paraná. Sem ao menos uma justificativa, a CCEE, que é um Conselho indicado pelo Governo do Estado, definiu pelo CORTE do ABONO COMPENSATÓRIO DE FINAL DE ANO que é constituído de 110% do salário mais o valor fixo. Direito este entre outros que foram construídos ao longo dos anos através de muita luta e negociação.

Trabalhadores é hora de mostrar para o Governo e a diretoria da empresa, a força e a união dos Saneparianos. Não podemos aceitar qualquer tipo de retrocesso em nosso Acordo Coletivo, pois as conquistas ao longo desses anos não foram nada fáceis, e são fruto da dedicação e empenho da classe trabalhadora. É fato que para o trabalhador sanepariano nunca veio nada de graça, pois a empresa sempre usa uma rubrica para compensar outra, então se hoje o abono compensatório existe, foi para compensar parte das perdas salarias acumuladas ao longo dos anos.

Então nobres trabalhadores, as Entidades Sindicais se colocam contrárias a qualquer tipo de corte que venha a ocorrer em nosso ACT, e devemos deixar claro que em qualquer adjetivação, como “suspensão”, o seu real significado é CORTE.

0 comentários:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.