Tadeu Veneri questiona terceirização do setor de informática da Sanepar

O líder da bancada do PT, deputado Tadeu Veneri, questionou nesta quarta-feira, 7, as razões que levam a direção da Sanepar a terceirizar boa parte dos serviços de informática da companhia. O Conselho de Administração da empresa homologou um contrato por quinze meses no valor de R$ 7,7 milhões com a empresa BRQ Soluções em Informática S/A para melhorias no sistema de informática da empresa.

"Se o governo do Estado tem uma empresa especializada na área, a Celepar, não seria mais lógico desenvolver o sistema com a empresa pública ao invés de usar serviços de terceiros?", indagou Veneri. O deputado destacou que a Sanepar já terceirizou vários setores, como o sistema de ligação dos usuários à rede de saneamento e a área de transporte. "Para nós, isto reflete uma concepção de como o governo enxerga uma empresa pública", disse Veneri.

Ele destacou que essa concepção já está manifestada em outras situações, como por exemplo, na substituição de funcionários de carreira por cargos de livre provimento. Recentemente, o Ministério Púbico Estadual recomendou que a Sanepar altere seus estatutos para reverter a distribuição dos cargos efetivos que foram ocupados por cargos comissionados. 

Fonte: Boletim informativo do deputado Tadeu Veneri.

1 comentários:

Sem contar que no ano passado a Sanepar realizou concurso público para a área de TI. Dos aprovados, quantos foram chamados??

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.