Hospital de Clínicas: trabalhadores da Funpar começam greve na segunda (19)

Os trabalhadores da Funpar (Fundação da Universidade Federal do Paraná) vão começar uma greve por tempo indeterminado no Hospital de Clínicas (HC) do Paraná às 7 horas da próxima segunda-feira (19). A decisão foi tomada em assembleia nesta quinta-feira (15), realizada na própria sede do Hospital.

José Carlos de Assis, um dos diretores do sindicato (Sinditest) que representa a classe, confirmou que apenas 30% dos 916 funcionários devem trabalhar no hospital durante o período no qual durar a paralisação.

Entre as reivindicações dos trabalhadores estão o reajuste salarial, melhoria nas condições de trabalho, inclusão de uma cláusula de estabilidade no acordo coletivo de trabalho que assegure o emprego dos trabalhadores. Eles também pedem a derrubada da ordem judicial de demissão decretada para o mês de junho.

Recentemente, a Justiça do Trabalho obrigou O HC a exonerar 916 servidores. A determinação é para que esses trabalhadores sejam substituídos por servidores concursados. Caso descumpram a decisão, o HC e a UFPR, mantenedora da instituição, estarão sujeitos a uma multa diária que varia de R$ 5 mil a R$ 150 mil.

Outro lado
A assessoria de imprensa do HC informou que até as 13 horas o hospital não tinha sido comunicado oficialmente do início da greve na segunda-feira (19).

Concursados do HC estão em greve

Os servidores federais (concursados) do HC estão em greve desde o dia 9 de maio. A categoria paralisou as atividades no dia 20 de março, mas eles tiveram que voltar ao trabalho no dia 18 de abril, após uma decisão da Justiça. No dia 9 de maio, após assembleia, os concursados retomaram a greve. Agora, o movimento deve continuar em paralelo ao movimento dos funcionários da Funpar.

0 comentários:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.