No Paraná, construtora é multada em R$ 100 mil por irregularidades trabalhistas

A construtora Conarte, responsável por obras públicas noroeste paranaense, foi multada em R$ 100 mil pelo Tribunal Regional do Trabalho do Paraná (TRT-PR). A Prefeitura de Umuarama e a União também são réus na ação.

A multa, por danos morais, foi aplicada por conta das irregularidades trabalhistas registradas durante a construção de um ginásio de esportes e de um posto de saúde em Umuarama e do Fórum Eleitoral do município de Altônia. As informações são do G1. As obras ainda estão em andamento.

De acordo com a ação civil pública, a construtora não oferecia equipamentos de proteção individuais para os trabalhadores, alguns funcionários não eram registrados, os locais utilizados para descanso e realização das refeições eram insalubres e as instalações elétricas inadequadas.

A construtora corre o risco de receber multa diária de R$ 5 mil caso não regularize a situação. A empresa e a prefeitura prometem recorrer da decisão judicial.



0 comentários:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.