Marcada reunião de mediação com o MPT para tratar dos Adicionais de Insalubridade e Periculosidade


Está marcada para o dia 07 de fevereiro, ás 15h30, a reunião de mediação entre o Ministério Público do Trabalho e representantes das Entidades Sindicais Signatárias e da SANEPAR para tratar e tentar estabelecer um acordo a cerca do recadastramento de insalubridade e periculosidade.

O pedido foi feito em dezembro do ano passado depois de inúmeros questionamentos da classe trabalhadora e de cessarem as tentativas de uma solução administrativa.

A alegação dos Sindicatos é de que os laudos, solicitados de forma unilateral pela empresa e elaborados pelo SESI/PR, são baseados em normas ultrapassadas, que não estão de acordo com a realidade de trabalho atual e deixam de considerar diretrizes mais atuais e extremamente pertinentes ao caso.  Além disso, esta decisão se mostra parcial ao privilegiar determinadas categorias com a manutenção dos adicionais em detrimento de outras mais expostas aos riscos em ambiente de trabalho.

Dessa forma, a solicitação junto ao MPT é de que os laudos sejam refeitos com a participação das referidas Entidades e que os adicionais sejam mantidos a todos os que recebem atualmente até que haja a deliberação entre as partes.

Esperamos que prevaleça o bom senso e o respeito tendo em vista a relevância do caso, o prejuízo e o eminente risco que esta medida está causando aos trabalhadores.

0 comentários:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.