Renan Calheiros e promete debater questões trabalhistas com centrais

Em reunião com o presidente do Senado, Renan Calheiros, nesta quarta-feira (19), o presidente da Força Sindical, deputado Paulo Pereira da Silva (SDD-SP), protestou contra possíveis projetos de lei que possam cercear as manifestações de trabalhadores.

"As centrais sindicais participam de manifestações populares, que fazem parte do processo democrático. Preocupam os trabalhadores que iniciativas de projetos de lei por parte do governo possam ser uma tentativa de proibição desses manifestos sociais", disse Paulinho da Força.

Renan Calheiros garantiu que as centrais sindicais serão ouvidas em qualquer debate que envolva as questões trabalhistas. Ele lembrou que é preciso não confundir a discussão do projeto de lei antiterror com as manifestações populares.

"A discussão do terrorismo faz parte da regulamentação dos dispositivos constitucionais. Não tem nada a ver com a Copa do Mundo. O Brasil é cobrado internacionalmente por uma legislação sobre o assunto", explicou o presidente do Senado.

Paulinho da Força pediu ainda a Renan Calheiros que fizesse um apelo ao presidente da Câmara, Henrique Eduardo Alves, para acelerar a tramitação de projetos como o fim do fator previdenciário e a redução da jornada de trabalho para 40 horas semanais.

0 comentários:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.